sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Coisas da infância....


-Não é minha estrela é todo o meu céu, tudo o que pretendo, o que quero, tudo que preciso e espero e aqui desenho um coração!
-Mais assim não pode!
-Por que não pode?!
-Tanto amor sufoca, perde o sentido.
-E pra que sentido?
Silêncio...


"Sentido é tudo aquilo que banaliza as atitudes ou as justificam."


-Amor não tem de ter sentido, é só pra ser sentido no coração!
-Você é meu coração!
-Não... você diz que eu estou dentro do seu coração....
-Não meu amorzinho. Sem você não tem sentido toda essa baboseira, nem os corações.
-Não é baboseira é a minha forma de dizer te amo.
-Pra isso era só me dar um beijinho e ai eu sinto tudo isso!

8 comentários:

  1. às vezes esperamos um pequeno gesto, que pra nós é imenso. Muitas vezes ficamos sem este momento, por parecer simples demais para quem o faz.
    Beijão do amigo!!!!

    ResponderExcluir
  2. Ow coja meiga!!
    amei!!

    Um beijinho pra vc sentir que tmb tenho coração e amo seu blogzinho!!
    =D
    feliz 2009

    ResponderExcluir
  3. Formas e formas de sentir.
    E esses amores, infantis ou adultos, tem todos a mesma premissa.

    Sentir, sentir...


    Beijocas
    www.lizziepohlmann.com

    ResponderExcluir
  4. É, um beijinho pode mesmo dizer tanta coisa, acaba por dar sentido a este inexplicável sentimanto que é o amor...
    Então um beijo, porque eu amei seu texto.

    ResponderExcluir
  5. Esse é o post mais fofinho que eu já li em mto, mto tempo!!!!!! Lindo... :~

    ResponderExcluir
  6. existem coisas da infância que continuam a vida toda.

    Nada faz sentido se o amor.

    beijos

    ResponderExcluir

e me disseram...